Portuguese English Spanish
Quarta, 01 Novembro 2017 22:13

Elias Daher e o varal de poesias no Tropicália 50 anos

Elias Daher e Anand Rao no Espaço Cultural Bhaskara Rao no Cultura Alternativa. Elias Daher e Anand Rao no Espaço Cultural Bhaskara Rao no Cultura Alternativa.

Entrevista exclusiva com o Diretor de Literatura do Música na Árvore

Em um evento realizado na beira do lago, mas, especificamente no Pontão, Lago Sul, no espaço de shows que fica ao lado do Bier Fass. O varal de poesia não ia ser colocado, não havia autorização segundo os seguranças, creio. Conseguiram colocar num espaço entre arvores e ficou distante do público e invisível. Critiquei meu amigo e mestre Elias Daher pelo tamanho dos poemas, que só podiam ser vistos com um binóculo ou lupa. Neste evento ele traçou novos rumos para o processo de impressão, mas, ainda defende que o varal não deve tirar o brilho do evento, no que discordamos, na verdade poesia dá brilho a qualquer evento, já dizia o saudoso Vinícius de Moraes.

Veja a entrevista deste que luta diuturnamente pela literatura e é Ex-Presidente do Sindicato de Escritores do Distrito Federal, mestre Elias Daher.

 

Elias Daher. É uma prazer te entrevistar via WhatsApp. Primeiro, quem é Elias Daher, profissão, formação e etc. Não copie releases, fale com naturalidade.

 

Sou economista, nascido em Brasilia, 53 anos,  atuo como funcionário público e professor.

 

E o que você pretende realizar no espetáculo Tropicália 50 anos. Me parece que você é o curador de uma exposição de poesia. Detalhe melhor?

 

Temos oferecido um varal com poesias para os visitantes dos nossos eventos, como o Música na Árvore e agora, Tropicália. É uma forma amistosa e lúdica de receber nossos convidados. Cada um escolhe um poema (ou é escolhido por ele) e leva pra casa.

 

Sim. Mas a Tropicália tem como poeta maior, se não estou enganado, Torquato Neto e não seria fundamental neste momento em que se comemora 50 anos de Tropicália fazer uma pesquisa dos poetas deste período e uma mostra destes?

 

Todos os autores escolhidos, de alguma forma, influenciaram este movimento ouu tiveram influencia forte dele. São eles: Cacaso, Chacal, Ana Cristina César, Torquato, Gil.

 

Teve uma exposição de poesias que eu vi que você fez onde os poemas ficaram muito pequenos, quase imperceptíveis. Nesta os poemas ficaram visíveis. Fale um pouco da estética da exposição?

 

Esse projeto já existe em escolas publicas e outras instituições. Tinha esse formato antes dos eventos, mas ouvi sua critica e nesta edição estou produzindo com formatos maiores. Vamos saber na prática, qual será o resultado. Mas já estou achando mais bonito.

 

E o local? É um local de destaque Ou o poema como sempre vai ficar de escanteio?

 

O varal é acessório, secundário mesmo. Tomo o cuidado para não requisitar o brilho do evento, desta forma, entendo o projeto como um tempero.

 

Que pena. O poema algum dia será o centro. Alguma coisa ficou pendente que gostaria de colocar? Agradecemos pela exclusiva.

 

Gostaria. O novo formato do varal de poesia é uma sugestão sua. Registro aqui seu olhar atento, agradeço a sinceridade que tem comigo. Vou promover um evento com a poesia protagonizando. Mais uma vez. Obrigado.

 

Anand Rao

Editor do Cultura Alternativa

www.culturaalternativa.com.br

 

 

Deixe um comentário

Receba nossas atualizações e notícas

Todos os direitos reservados Portal Cultura Alternativa. Site por Alvetti.com